Crânios de Bronze, 2022

Cráneo de bronce LXXVII.png

Crânio de Bronze LXXVII, 2022

 

O verso "Não vamos subir até o fundo?!" do poema LXXVII do TRILCE de César Vallejo, página 121 da primeira edição (penitenciária de Lima 1922), atravessado pelos nomes "Inti Sotelo" e "Bryan Pintado". Reescrita realizada pelo próprio César Vallejo usando Emilio Santisteban como médium.

  • Icono social Instagram
  • Facebook Social Icon
  • Icono social LinkedIn